26 Outubro 2020

Entretenimento

A tão esperada reconciliação entre Brad Pitt e Angelina Jolie chegou após quatro anos de terapia

Brad Pitt e Angelina Jolie conseguiram pôr de lado as suas diferenças depois de muita terapia familiar que lhes permitiu reconciliar

A separação de Angelina Jolie e Brad Pitt deixou toda a gente chocada em 2016. Eles eram um dos casais mais consolidados no panorama internacional e parecia que o seu amor era inquebrável e estava por cima de tudo. Mas nada poderia estar mais longe da verdade. Apesar de terem seis filhos em comum, não conseguiram resolver as suas diferenças e passaram por um divórcio muito mediático de que ainda hoje se fala, quatro anos mais tarde.

Mas parece que, após quatro anos de controvérsia, as águas voltaram ao seu curso e conseguiram resolver estas diferenças para levar uma vida familiar normal, apesar de estarem separados. No entanto, custou-lhes muitas sessões de terapia e algum descontentamento que parece ser uma coisa do passado. Ou pelo menos foi o que uma pessoa próxima do casal disse à revista People.

Brad Pitt e Angelina Jolie superam as suas diferenças


Angelina Jolie e Brad Pitt conseguiram finalmente, após 4 anos desde a sua separação, dar-se bem. Em parte, fizeram isto para o bem dos seus filhos, Maddox, 18, Pax, 16, Zahara, 15, Shiloh, 14, e gémeos Knox e Vivienne, 11. Agora são mais velhos e compreendem perfeitamente a sua situação familiar, e agora passam muito mais tempo com ambos, algo que não acontecia antes, uma vez que passavam mais tempo com a atriz. “Precisavam definitivamente de ajuda para resolver todas as questões de custódia das crianças e de como Brad poderia voltar a ser pai. Uma vez que as crianças são agora mais velhas, já não estão a lidar com problemas da separação”, disse esta fonte próxima.


“Demoraram muito tempo, com muita terapia familiar, a chegar a este ponto”, explicou dando a entender que as diferenças entre aqueles que antes eram marido e mulher estão agora resolvidas. “As crianças mais pequenas vêm e vão entre as suas casas (estão apenas a dez minutos a pé), e Brad gosta de passar o máximo de tempo possível com elas. Ele parece muito mais feliz”, confirmou, assegurando que o ator está a compensar o tempo perdido e está muito feliz por poder passar mais tempo com os seus filhos.

AS ÚLTIMAS PALAVRAS DE ANGELINA JOLIE SOBRE BRAD PITT

“Foi um momento complicado, não reconhecia no que me tinha convertido, era mais pequena, como insignificante. Senti uma profunda e verdadeira tristeza, fiquei ferida. Por outro lado, foi interessante reconectar com esta humildade e mesmo esta insignificância que senti”, disse Angelina Jolie numa das suas últimas entrevistas. “Para além de tudo isto, tive alguns problemas de saúde. Todas estas coisas me recordam a sorte que tenho em estar viva. Esta é outra lição a transmitir aos meus filhos: a ideia de renovação e, sobretudo, de um possível regresso à alegria de viver. Tenho de redescobrir a alegria”, acrescentou ela, preocupando todos com o seu estado de saúde.

%d bloggers like this: